Ex prefeito denuncia boicote em concurso público de Santa Luzia

 
O ex-prefeito de Santa Luzia Ademir Morais (PSDB), em recente passagem por Patos, concedeu entrevista exclusiva à equipe do Portalpatos e fez uma denúncia sobre um suposto “boicote”, pós-concurso, realizado no município ainda quando ele era gestor em 2015.
Ademir disse que todos os trâmites do certame foram realizados dentro da legalidade e a UEPB foi a responsável pela condução do concurso que aprovou candidatos em um prazo de validade de dois anos prorrogáveis. Porém, o que se vê no município atualmente é o “inchaço” da folha de pagamento por conta da contratação descontrolada praticada pelo o atual prefeito José Alexandre de Araújo, Zezé do (MDB), segundo o parlamentar.
Alega que o atual prefeito vem contrantando pessoas desordenadamente e desrespeitando o concurso realizado no munícipio. 
O ex-gestor também criticou a forma como o atual prefeito de Santa Luzia vem conduzindo os trabalhos administrativos. Disse que no seu governo havia comprado um veículo de uso exclusivo para o Centro de Referência da Mulher, porém o prefeito Zezé desastrosamente determinou que esse mesmo veículo fosse removido para outra secretaria, deixando, no entanto, o Centro de Apoio a Mulher sem carro e sem motorista.
Morais também denunciou que, mesmo sem ter vaga de motorista e diante da remoção do veículo, o prefeito convocou para realização de prova prática 7 (sete) pessoas para disputar o cargo no Centro de Referência da Mulher.
Ademir Morais governou Santa Luzia por 4 (quatro) mandatos. De 1983 a 1988, de 2003 a 2004, de 2009 a 2012 e de 2013 a 2016. 
Ademir não descartou a possibilidade de o atual prefeito Zezé está planejando um boicote dentro do recrutamento dos contratados, a fim de que um parente próximo da esposa seja agraciado com um dos cargos oferecidos. Ele disse que formulará queixa-crime junto ao Ministério Público, caso as supostas irregularidades forem comprovadas.
Portalpatos

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA