São João das famílias e dos Amigos das famílias será o diferencial do São João de Santa Luzia

  
Foto: Divulgação


São João à moda antiga: cultura, tradição, celebração e oportunidade de mostrar Santa Luzia: “A cidade que ensinou o Brasil a dançar forró”. Na versão 2018 das festividades, a novidade é a participação do Fampress, com onze jornalistas da capital paraibana.
Segundo Regina Medeiros Amorim, presidente da Associação de Turismo e Cultura de Santa Luzia (Santura), o Fampress tem o objetivo de divulgar o São João da Família e dos Amigos – “São João da Rua de Baixo”, que acontece de (22) a (24) de junho das 17h às 23h.
Ela destaca que a Santura é a representação da comunidade local que busca a preservação dos seus valores culturais, seus saberes e fazeres”.
________
“A comunidade sente-se reconhecida e valorizada ao saber que irá receber os jornalistas.”
_________
Nana Garcez (Revista Edificar); Fábio Cardoso e Beth Espínola (Turismo em Foco); Ceres Leão e Kadu Martins (Fashion News); Leila Oliveira (Blog Leila e API); Haceldama Borba (API); Alessandra Lontra e Ana Célia Nascimento (O Concierge), Mário Murta e Josy Gomes Murta (Criativa Turismo / Conexão Boas Notícias).
Os profissionais convidados serão recepcionados na calçada da Praça da Matriz, com um trio pé de serra e um cafezinho feito na hora, em seguida, eles vão participar da programação do dia até às 23h00.
Foto: Divulgação
“Santa Luzia é diferenciada nesse período. A tradição da cidade que ‘ensinou o Brasil a dançar forro’ a torna mais festeira e animada, e mais agora com a ‘Santura’, resgatando o verdadeiro sentido das tradições juninas, reunindo as famílias e interagindo com todos que ali irão para dançar e conhecer o autêntico São João. A nossa expectativa é muito grande, pois tem muitos que não conhecem e vão se maravilhar com o que a Regina vai nos oferecer”, declarou a jornalista Leila Oliveira.
Novo olhar
“Estes profissionais convidados formadores de opinião, especialistas de turismo e cultura, aceitaram a missão não apenas de divulgar a Festa, mas de analisá-la com um “novo olhar” e enviar seus feedbacks a Santura”, enfatizou Amorim.
Os jornalistas após serem recepcionadas seguem para participar da programação, e serão recebidos no camarote do Prefeito José Alexandre de Araújo.
Foto: Reprodução
“Uma programação bastante diversificada: apresentação de quadrilhas juninas, coco de roda, camelão, trios Pé de Serra, visita ao museu junino, desfile de moda, cortejo junino de carroças pela cidade, um divertido concurso de casal de noivos criativos, o tradicional casamento matuto. Do mesmo modo, o artesanato e a gastronomia junina estarão presentes em pequenas bancas montadas na praça, o café da tarde nas calçadas, o concurso do arraial das famílias, onde a decoração e a animação devem contar muitos pontos”, apontou Regina.
“Definimos trazer essa equipe de jornalistas porque acreditamos que eles podem, por meio de um olhar crítico de suas publicações e do engajamento nas redes sociais e nos seus veículos, mostrar o que Santa Luzia tem de melhor, na sua cultura e na criatividade do seu povo”, ressaltou Regina.
76 anos de tradição
Foto: Divulgação
Em 2018 Santa Luzia celebra 76 anos de festa junina, mantendo a tradição e a autenticidade.
“Levantar a memória dessa história junina vem a calhar com as ricas manifestações culturais e populares existentes em Santa Luzia na Paraíba”, diz Regina.
_______
Foto: divulgação
As festividades envolvem os concursos: 
• Concurso da Roupa Junina mais bonita.
• Concurso do casal de noivos mais criativos.
• Concurso do Arraial mais nem decorado.
• Concurso do Arraial mais animado e mais decorado.
Foto: Divulgação
O São João de Santa Luzia envolve toda a comunidade. A festividade é movida pela: cooperação, harmonia, contentamento, criatividade, sustentabilidade, beleza, harmonia, criatividade e sustentabilidade. Tudo tem sido preparado com muito carinho e zelo, e a Santura proporciona a realização das festividades.
________
“A Santura é a sociedade organizada, exercendo o seu direito de cuidar do que lhe dá pertencimento e identidade cultural.”
_______
Foto: Divulgação
Regina evidencia as coordenações. “Temos várias coordenações que estão na organização do São João das Famílias e dos Amigos das Famílias de Santa Luzia: Coordenação da homenagem a Manoel de Bia, coordenador do coco de roda. ‘Se estivesse vivo estaria completando 100 anos’; Maestro Chiquito, Valdinho, Irenice, Xandoca; Coordenação das quadrilhas juninas: Inácio; Coordenação das inscrições de artesãos para expor artesanato e comidas típicas: Maria Luzia; Coordenação do passeio junino das carroças: Nelson Xandoca; Coordenação das inscrições dos 20 casais de noivos, inscrições das oito manequins do desfile de chita: Jane; Coordenação do Casamento Matuto: Zuila; Coordenação do Coco de Roda: Irenice; Coordenação da venda de camisetas: Fernanda, Renato, Regina, Maria Luzia, Socorro, Eliene, Rosa Simplício; Beta Coelho; Coordenação do Café da manhã Acorda Santa Luzia no domingo dia 24: Eliene; Coordenação do Desfile de Moda, do Museu Junino e dos Trios Pé de Serra, do Som e Locução: Regina.
Foto: Divulgação
Segundo Regina, desde 1976 que tem contribuído na organização das Famílias e dos Amigos das Famílias de Santa Luzia.
Ela realça: “Como Gestora de Turismo identifico que o São João das Famílias e dos Amigos das Famílias de Santa Luzia é o grande diferencial, que dá a liga para as brincadeiras juninas durante o dia, nos arraiais e nas propriedades rurais do município”.
Paralelo ao “São João da Família e dos Amigos”, a Prefeitura a cidade recebe, em seu palco forrozeiro, os cantores Saulo Farra, Pinto do Acordeon, Luan Estilizado, Jonas Esticado, Titico, Giullian Monte, Avine Vinny, Santino Braz, Woxton Nóbrega e as bandas, Os Gonzagas, Forró D2, Cavaleiros do Forró, Geová e Forró no Jeito, Cavalo de Pau, os 3 do Forró e a Loba.

Copnexao Boas Notícias 

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA