Veneziano entrega carta de desfiliação do MDB



O deputado federal Veneziano Vital do Rêgo oficializou, nesta segunda-feira (2), pedido de desfiliação ao MDB. Em entrevista ao Rádio Verdade, da Arapuan FM, o parlamentar disse que entre quarta (4) e quinta-feira (5) anunciará o seu novo partido.

Veneziano não descartou uma possível filiação ao Podemos. Ele lembrou que tem boa relação com a presidente nacional da legenda, Renata Abreu, e confirmou convite da parlamentar para representar o partido no Estado. “Existe esse carinho de demonstração de confiança. É uma possibilidade e não é uma certeza”, destacou

Ainda durante entrevista, o parlamentar também admitiu compor a chapa encabeçada pelo PSB e disputar uma vaga no Senado. De acordo com ele, a ideia de uma composição com Ricardo Coutinho e João Azevêdo tem ganhado força no grupo girassol.


“Há uma possibilidade real e crescente que essa composição se dê. Não posso firmar porque essa semana tem muitos acontecimentos mas até pelas renovadas lembranças do governador Ricardo e de João Azevêdo temos acompanhado a demonstração de carinho e confiança para que pudéssemos firmar uma composição majoritária”, afirmou.


Sobre a saída do MDB, Veneziano afirmou que foi “difícil” tomar a decisão por sua história no partido e fez agradecimentos as ex-colegas de agremiação.


“A convivência com o MDB é de 15 anos. Registro o carinho de todos os membros do partido, como o presidente senador José Maranhão, que permitiram que eu fosse prefeito de Campina Grande na icônica campanha de 2004. Da mesma forma que eu fui acolhido e recebido com confiança, tenho a obrigação de expor os motivos. A dificuldade para conseguir uma composição consensual leva-nos até por conta dos prazos de desfiliação e convenções a gente se desliga de forma respeitosa. As relações pessoais continuam inalteradas. A história partidária é a mesma”, finalizou.

MaisPB

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA