No PSD, Lira terá ‘carta branca’, garante Rômulo Gouveia


O PSD realizou, na tarde desta quinta-feira (05), um evento de filiação na Paraíba. Na oportunidade, o partido apresentou o ex-deputado federal Inaldo Leitão como novo filiado. Ele tentará um retorno à Câmara Federal nas eleições deste ano. O senador Raimundo Lira, recém-chegado ao partido, também era aguardado no evento, mas teve que permanecer em Brasília.

O presidente estadual da legenda, deputado Rômulo Gouveia, comemorou as novas filiações, que deverão seguir até o sábado (07). O parlamentar não poupou elogios a Inaldo e Lira, e falou sobre o papel de Lira agora no PSD.

“A chegada do senador Raimundo Lira ao partido foi muito importante nacionalmente, demonstrou prestígio por ser um senador que comandava uma bancada. No âmbito do estado também muito importante, ele passa a ser a referência nossa na disputa majoritária na sua reeleição ao Senado. Já Inaldo está voltando para a política, e tentará retornar a Câmara. Ele teve uma representação importante na Casa”, declarou.

E sobre a formação da chapa majoritária da oposição, Rômulo destacou os nomes de Lucélio Cartaxo (PV), irmão do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), e do deputado federal Pedro Cunha Lima. Segundo Gouveia, sua intenção é manter a unidade das oposições, definições se darão com diálogo e Lira terá carta branca nas tratativas.

“A preferência minha é aquele [nome] que somar, que possa reunir o maior número de forças. Hoje despontam dois nomes que são, em tese, novos, Lucélio Cartaxo e Pedro Cunha Lima. Temos tempo pra construir, nomes a gente tem, o que falta é a gente juntar a pedra do xadrez e montar a chapa. Lira irá comandar essas conversações, ele tem carta branca do partido para conversar sobre a formação da chapa majoritária”, afirmou.

Paraíba em Debate

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA