Aesa registra primeiros índices de chuvas na Paraíba São José do Sabugi acumulou um dos maiores

http://www2.pbagora.com.br/ew3press/conteudo/20150320012811.jpg
O estado da Paraíba registrou chuvas isoladas em pelo menos 98 municípios dos 129 monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), durante as duas primeiras semanas de janeiro. De acordo com a meteorologista, Carmem Becker, as precipitações são consideradas normais em decorrência do período da pré-estação chuvosa no estado. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (12).
De acordo com o relatório da Aesa, o município de São José do Sabugi, no Sertão, acumula o maior índice pluviométrico com 67,2 milímetros. O menor índice está registrado em Campina Grande, no Agreste, com apenas 0,3 mm.

“As chuvas devem continuar durante o final de semana, principalmente, nas áreas do Cariri e Sertão, onde o tempo abafado deve contribuir para as precipitações isoladas ao fim do dia. É importante lembrar que estamos no período da pré-estação chuvosa no estado, portanto, os registros são esperados”, ressaltou Carmem Becker.

Chuva de granizo

As cidades de Conceição e Diamante, localizadas no Sertão, foram atingidas por uma chuva de granizo na segunda-feira (8).  O fenômeno pouco comum na região chamou atenção e foi registrado por moradores, que aproveitaram o momento para gravar imagens das pedras de gelo.

Crise hídrica

Apesar das chuvas, o estado da Paraíba tem 63 mananciais, do total de 127 monitorados pela AESA, com menos de 5% de capacidade máxima. Outros 33 reservatórios estão com o volume de água abaixo de 20% e 30 acumulam mais de 20%. Apenas um reservatório está totalmente cheio.

JP online 

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA