Vereadores devem se reunir com a direção da CAGEPA para discutir a crise hídrica em Santa Luzia



Os vereadores da bancada de oposição de Santa Luzia, preocupados com a constante falta de água disseram durante o programa Vale em debate, na Vale FM, exibido ontem (8) que irão procurar esta semana a direção geral da CAGEPA para uma reunião.

Os vereadores Bayta Alves, Milton Lino, Daniel, Petrônio Nóbrega e o presidente da Câmara Hemerson Medeiros, afirmaram que a população não pode ficar apenas a mercê de um cronograma de abastecimento e pagando uma conta de água sem ter direito ao líquido nas torneiras como prevê a distribuição.

Segundo o vereadores, a CAGEPA é responsável pelo o abastecimento da cidade e devido aos problemas da adutora Coremas/Sabugi, existem locais com mais de 15 dias sem água nas torneiras, mas, a conta de água é cobrada dentro do mês aos moradores.

Parte da população esta prejudicada, tendo que comprar água ou ir busca-la em poucos poços artesianos instalados nas ruas de Santa Luzia, o volume de água que é distribuído pela a adutora não é suficiente para toda a cidade, segundo informações da gerência local, até o mês de setembro, a CAGEPA complementava essa água com a captação do açude José Américo, o açude secou, e agora resta apenas a ligação um poço que está localizado dentro do açude, este por sua vez esta com a bomba de captação quebrada. A gerencia local informou que o equipamento foi levado para avaliação, o poço tem uma vazão média de 15.000lts/h .

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA