Câmara aprova parecer e arquiva projeto e população continuará pagando a taxa de iluminação pública



Durante mais de duas horas os 11 vereadores da Câmara Municipal de Santa Luzia debateram através de dicursos acirrados, mediante um debate acalorado entre si, discutindo sobre um parecer que tornou inconstitucional o projeto de bancada que revogava o projeto de lei 392 de 2002, referente à contribuição de iluminação pública.

O parecer foi aprovado por seis votos a quatro, votaram pelo o arquivamento do projeto de bancada da oposição e a favor do parecer os vereadores:
Rodrigo Morais
Netto Lima
Félix Junior
Neto da Barra
Hominho
Thiago Augusto
Votaram contra o parecer
Bayta Alves
Petrônio da CDL
Daniel
Milton Lino.
Após a votação, o projeto que revogava a lei 392/2002 foi arquvado, o que significa que a população de Santa Luzia continuará pagando a taxa de iluminação pública.

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA