Justiça cassa mandato de prefeito e vice prefeito de Barra de São Miguel

 
 
O prefeito de Barra de São Miguel, João Batista Truta e seu vice, Flávio José Maia, tiveram seus mandatos cassados por abuso de poder econômico e distribuição de bebida e camisas.
 
De acordo com o processo, os investigados infringiram a legislação durante a campanha eleitoral de 2016. A decisão foi tomada por um juiz, mas ainda cabe recurso no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB).
 
Na ocasião, o juiz eleitoral Falkandre de Sousa Queiroz, decidiu, além de cassar o mandato dos investigados, torná-los inelegíveis pelo prazo de oito anos e ainda uma multa de R$10 mil para cada um.
 
Segundo a decisão, como os candidatos foram eleitos com mais de 50% dos votos válidos, será necessária a realização de novas eleições municipais na cidade de Barra de São Miguel em um prazo de até 40 dias, deixando o cargo de prefeito em posse do presidente da Câmara Municipal.

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA