Posto da PRF tem atividades suspensas por falta de recursos




Segundo o chefe da 3ª Delegacia da PRF em Patos, inspetor Tenório, a suspensão das atividades ocorreu em toda a região e vários serviços foram interrompidos.

Além da suspensão imediata das atividades aéreas de policiamento e resgate desempenhadas pela instituição, houve também a redução imediata dos deslocamentos terrestres de viaturas em patrulhamento, além da desativação de unidades operacionais.

Ainda segundo o chefe da PRF, A situação se torna mais delicada em Patos, pois além da redução das atividades, falta combustível nos veículos e das sete viaturas que tem na unidade, cinco estão quebradas: “Além de tudo isso, os aparelhos de ar condicionados das salas não podem ser ligados e a determinação também faz parte da medida de contenção de gastos”, explicou.

Outra situação que pode prejudicar a o trabalho da PRF e também a população é o serviço de recolhimentos de animais que deverá ser comprometido com as medidas.

O Posto da PRF localizado em São Mamede também será demolido nos próximos dias e todos os serviços serão transferidos para a Delegacia de Patos.

Atualmente a unidade conta com um efetivo de quase 20 agentes.

maispatos.com

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA