Manifestantes dizem NÃO a Reforma da Previdência em praça pública de Santa Luzia






Professores, alunos, vereadores representantes sindicais e sociedade civil, ganharam as ruas de Santa Luzia para protestar contra a Reformada Previdência do governo federal e a luta da inclusão do piso salarial dos professores a ser reajustados. 


O protesto teve inicio na manhã desta sexta feira com concentração saindo da Praça Marcelo Pinto até o Parque do forró no centro da cidade, no local, houve pronunciamentos e palavras de ordem contra o presidente Temer. Caso a Reforma passe a ser aprovada no congresso, pode provocar várias consequências para o trabalhador, inclusive a não aposentadoria dos servidores.   






0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA