Gerente de educação explica a implantação do modelo da Escola Cidadã em Patos



O gerente regional de ensino na cidade Patos, Luiz Carlos Gabi, foi entrevistado pela imprensa local nesta quarta-feira, dia 01, e na ocasião repassou detalhes de como está trabalhando na implantação do modelo de Escola Cidadão Integral, que será aplicado na Escola Estadual Monsenhor Manoel Vieira (CEPA).

Segundo Gabi, as equipes de professores e profissionais de educação já participaram de uma formação na capital João Pessoa, e no momento estão na própria escola participando de um planejamento que visa atender adequadamente este novo modelo de escola, que terá início a partir da próxima segunda-feira (06).

Também como parte do planejamento para implantação do novo modelo de escola, Gabi disse que alguns alunos de João Pessoa virão até Patos para fazer o acolhimento dos novos alunos da escola Monsenhor Vieira, além de outras duas escolas localizadas em São Mamede e Junco do Seridó.

Ainda segundo o gerente regional de ensino, as escolas contempladas trabalhavam antes com um número grande de alunos, coisa que não será mais possível, tendo em vista a redução que houve.

Além disso, ainda estão sendo feitos alguns reparos na escola de Patos, principalmente no tocante à rede elétrica e estrutura física da escola.

Os professores que optaram por atuar neste novo modelo de escola terão que cumprir 40 horas de trabalho. Os alunos entrarão na escola às 07h30 e sairão às 17h00.
Os professores que não optaram pela Escola Cidadã terão que ser remanejados para outras escolas, de acordo com a necessidade de cada instituição.
Escola Integral Cidadã

Trata-se de um novo modelo de escola pública implantado na Paraíba, com a proposta de organização e funcionamento em tempo único (integral). É uma política pública e está inserida no Plano Nacional de Educação (Meta 6: “Oferecer educação em tempo integral em, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) das escolas públicas, de forma a atender, pelo menos, 25% (vinte e cinco por cento) dos (as) alunos (as) da educação básica) e também no Plano Estadual de Educação.

O programa tem como foco a formação dos jovens por meio de um desenho curricular diferenciado e com metodologias específicas, que apresentam aos estudantes do Ensino Médio possibilidades de se sentirem integrantes do seu projeto de vida.

politica pra quem gosta

Por favor, compartilhe!

  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Wats app
  • More...

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta

Scroll to top