Site ajuda a consumidores denuciar problemas e negociar soluções



Uma plataforma na internet promete ajudar consumidores a denunciar problemas e negociar soluções com empresas. Trata-se do consumidor.gov, que permite cadastros de reclamações e dá 10 dias para que a empresa analise e responda a questão.

Em seguida, é garantida ao consumidor a chance de, em até 20 dias, comentar a resposta recebida, classificar a demanda como Resolvida ou Não Resolvida, e ainda indicar seu nível de satisfação com o atendimento recebido.
Os dados das reclamações registradas alimentam uma base de dados pública, com informações sobre os fornecedores que obtiveram os melhores índices de resolução e satisfação no tratamento das reclamações, sobre aqueles que responderam às demandas nos menores prazos, entre outras informações.
À empresa participante é oferecido acesso, de forma direta e gratuita, a um sistema que viabiliza o recebimento e tratamento das reclamações de seus consumidores que eventualmente não foram resolvidas por meio dos seus canais tradicionais de atendimento, evitando que se transformem em litígios administrativos e/ou judiciais.
A superintendente do Procon-PB, Késsia Liliana, ressalta que, ingressar na rede de atendimento online viabilizada pelo consumidor.gov, permite que as empresas se conheçam melhor a partir de dados disponibilizados na plataforma. É que o site disponibiliza uma base de dados que possibilita aos fornecedores uma análise detalhada dos problemas relativos a seus produtos e serviços, desde a produção, comunicação e distribuição, permitindo a adoção de medidas de aprimoramento e adequação.
Por este motivo, a autarquia vai promover, nesta quinta-feira (1º), capacitação com objetivo de ampliar o acesso à plataforma. O evento será na sede do Procon-PB, em João Pessoa, das 14h30 às 16h30. Além da capacitação, 40 empresas paraibanas que lideram as reclamações no Procon-PB foram convidadas para uma reunião com a Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor (Senacon). 

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA