Demora no atendimento da regulação do Samu faz paciente esperar para uma transferência



Na madrugada deste sábado (9) em Santa Luzia um idoso de pré nome Braz foi vítima de tentativa de homicídio próximo ao bairro São Sebastião, o paciente deu entrada no hospital com suspeita de TCE (traumatismo craniano encefalico).

O médico Dr Vanildo Fernandes demorou quase 40 minutos em uma ligação para convencer a regulação do Samu de PATOS que o paciente deveria ser atendido no HOSPITAL REGIONAL de PATOS, após várias explicações, a atendente informou que a ligação deveria ser feita por uma enfermeira explicando a situação do paciente e que no serviço de atendimento móvel existe protocolos.

O paciente deveria ter sido transferido em uma unidade avançada de acordo com estado em que foi encontrado, e terminou sendo levado em uma unidade básica do Samu.
Diante de todo o procedimento de atendimento feito pela equipe do Samu e pelo os profissionais do Hospital Sinhá Carneiro, o médico que atendeu a vítima Dr Vanildo Fernandes, informou que a ambulância do próprio hospital não estava no momento devido à uma solicitação de urgência e entende que deve ser solicitado uma audiência com os médicos do hospital sinhá Carneiro e com os médicos reguladores do Samu para explicar melhor como funciona o serviço.

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA