Virose da Mosca lota hospital de Patos


Com a chegada das chuvas, as moscas ressurgem e, com elas, as doenças sazonais - surto de diarreia, vômito, febre, dor de cabeça, dores musculares - que tem acometido um número crescente de moradores de Patos.
As emergências dos hospitais e os postos de saúde diariamente estão lotadas de pacientes com queixas semelhantes.

A suspeita é que o principal vetor desse surto são as moscas, porém, o médico Eulâmpio Dantas, diretor Clínico do Hospital Infantil Noaldo Leite, alertou também que o agente pode ser vírus ou bactéria e somente a realização de exames pode dar o diagnóstico preciso.
Segundo médico, o número de atendimentos aumentou 200% em relação ao mesmo período do ano passado e somente nesta quinta-feira, (11), 162 pacientes deram entrada no hospital com esses mesmos sintomas.
O médico explicou que na maioria dos casos, há uma junção de virose, que são as verminoses e bacterias que aparecem no período chuvoso e infecções do trato digestivo, no caso, alimentação inadequada.
Dr. Eulâmpio orientou que uma forma de prevenir a doença, é manter limpos os locais de possíveis proliferação.
Na maioria dos casos, não há necessidade de internação. O tratamento é feito com hidratação oral. Se houver mais de dez evacuações por dia, com vômito, é preciso reidratação venosa, por algumas horas, em unidade de atendimento.
 Mais Patos 

0 comentários

COMENTÁRIOS AGORA